Quando a curvatura do pênis deixa de ser normal?

  Dr. Arnaldo Cividanes   |     Novembro 28, 2013   |     Urologia
É comum que o pênis ereto tenha uma pequena curvatura, que pode ser levemente acentuada com o envelhecimento. Mas é importante que o homem fique atento a mudanças acentuadas e repentinas.

Até 3,5% da população masculina pode vir a ter Doença de Peyronie ao longo da vida. O problema ocorre quando o pênis ereto apresenta curvaturas fora do padrão e o exame físico identifica a presença de placas fibrosas.

Em alguns casos, a curvatura não só dificulta, como inviabiliza a possibilidade de o indivíduo ter relação sexual. É preciso procurar um urologista o quanto antes. Esse é o especialista que faz o diagnóstico e realiza o tratamento.

Doença de Peyronie

Doença benigna que atinge, principalmente, homens a partir dos 40 anos, sem causa definida, Peyronie pode ser originada por micro traumatismos no pênis após relações sexuais. Hipertensão arterial, diabetes, doenças reumatológicas, anemia falciforme e histórico familiar podem estar relacionados e são um sinal de alerta.

Infelizmente, na maioria dos casos, os diversos tratamentos medicamentosos orais e locais já testados não oferecem bons resultados de melhora aos pacientes, e a cirurgia de correção acaba sendo a única opção terapêutica.

Se perceber mudanças no formato do pênis ou dor durante a relação, procure um especialista.

Dr. Arnaldo Cividanes

Dr. Arnaldo Cividanes é urologista do Núcleo de Urologia do Hospital 9 de Julho.

Comentarios

Guia Prático da Saúde da Mulher

Baixe Grátis!
BAIXE O E-BOOK GRÁTIS