Por que a atividade física é tão importante para o nosso corpo?

  Dr. Ricardo Nahas   |     Abril 4, 2018   |     Medicina do Esporte

Com certeza, você já ouviu ou leu sobre a importância de fazer exercícios. Médicos, educadores físicos e profissionais da saúde sempre reforçam essa mensagem.

Bem, tudo isso tem uma razão: a atividade física é realmente fundamental para a nossa saúde porque ajuda a evitar que o organismo vire um alvo fácil de certas doenças, especialmente as cardiovasculares.

Se você fica com preguiça só de lembrar do assunto, está na hora de mudar essa atitude! Mesmo com uma rotina cheia de compromissos, é necessário reservar um espaço na agenda para cuidar de si.

Veja, abaixo, algumas informações que vão te incentivar a levantar do sofá agora mesmo!

O sedentarismo e seus perigos

A relação entre uma vida ociosa e o surgimento de doenças não é nenhuma novidade. Nosso corpo se beneficia dos exercícios de diversas formas. Dormimos melhor, o cérebro passa a funcionar de modo mais eficiente e há um aumento na sensação de bem-estar.

Além de tudo isso, a prática reduz as possibilidades de desenvolver problemas como diabetes tipo 2, osteoporose, hipertensão e trombose. A atividade física periódica também ajuda a diminuir o colesterol e a obstrução das artérias – por isso, caem as chances de infarto e derrame.

Entretanto, é preciso ressaltar que os exercícios, sozinhos, não fazem milagre, principalmente para quem necessita ou deseja perder peso. Por isso, repense seus hábitos alimentares e alguns vícios, como o tabagismo e o consumo excessivo de bebidas alcóolicas.

Quero me exercitar, já posso começar?

Apesar da urgência que temos para sair do sedentarismo, não pense que vestir um par de tênis e sair correndo por aí vai resolver seus problemas. Antes de mais nada, é preciso avaliar suas condições físicas e de saúde.

Pense em um carro que você queira usar, mas não tem nenhuma idéia de como esteja a parte mecânica do veículo. Só um bom check-up pode dar um diagnóstico completo da situação do automóvel, certo?

A mesma lógica se aplica ao seu corpo. Realize exames de rotina e consulte um médico para conferir como está a sua saúde. Depois dessa avaliação, será possível elaborar um plano de atividades compatíveis com a sua condição, suas necessidades médicas e objetivos.

Não há uma regra que determine quando é preciso fazer uma reavaliação, mas é interessante repeti-la após seis meses ou um ano. Uma nova análise ajuda a comparar os diferentes momentos de seu organismo.

Como saber quais são os meus limites físicos?

Feita a avaliação, é muito importante estabelecer critérios para que a atividade física não se transforme em lesão.

Realizar essa análise antes de começar possibilita que o médico identifique limitações de seu organismo. Pessoas que apresentem problemas como dores e doenças crônicas, asma, obesidade ou trauma nas articulações devem redobrar seus cuidados e não exagerar.

Quem pode fazer exercícios?

Todo mundo pode fazer exercícios físicos. O que muda é apenas a intensidade e a modalidade das atividades.

Desde a infância, esse hábito deve estar presente, e é preciso mantê-lo durante toda a vida. A Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte já se posicionou sobre isso e faz questão de ressaltar que, na terceira idade, a prática se torna ainda mais pertinente, até para que possamos alcançar a conhecida meta de “envelhecer com saúde”.

No consultório, é comum que as pessoas perguntem sobre a necessidade de cultivar uma rotina de atividades físicas. Pois bem, ela é fundamental para a evolução do condicionamento corporal. Nosso organismo precisa de uma certa regularidade para que os resultados apareçam. Por isso, não adianta nada fazer uma caminhada de 14 km em um dia e ficar o resto da semana no ócio – é mais interessante andar 2 km diariamente.

Sedentarismo não é brincadeira. Ele mata mais do que o cigarro e faz muitas vítimas todos os anos. Dados recentes mostraram que seis em cada dez brasileiros são sedentários. Portanto, fuja das estatísticas e viva melhor!

Guia da Vida Saudável sem Estresse

Dr. Ricardo Nahas

Dr. Ricardo Nahas

Dr. Ricardo Nahas é coordenador do Centro do Medicina do Exercício e do Esporte do Hospital 9 de Julho.

Comentarios

Guia Prático da Saúde da Mulher

Baixe Grátis!
BAIXE O E-BOOK GRÁTIS