Febre reumática pode se manifestar após infecção na garganta

  Dr. Nilton Salles   |     Novembro 1, 2016   |     Infectologia

A febre reumática é uma doença caracterizada pela inflamação de articulações, do coração e de estruturas do cérebro decorrente de reação cruzada do organismo frente a uma infecção por um tipo específico de bactéria estreptococo. A doença tende a ocorrer em pessoas com predisposição genética.

Essa mesma bactéria causa doenças como infecções de garganta e escarlatina. Por isso, a febre reumática se manifesta no período de 7 a 15 dias após o paciente ter apresentado dor de garganta forte com febre. Deste modo, o pronto tratamento da infecção com antibiótico reduz o risco de desenvolvimento de febre reumática.

Sintomas

Os indivíduos mais afetados pela patologia em geral são crianças entre 5 e 15 anos. Entre os sintomas estão:
  • artrite (dor nas juntas);
  • inflamação no músculo do coração;
  • sopro cardíaco;
  • movimentos descoordenados dos membros por causa de inflamação no cérebro;
  • manchas avermelhadas na pele;
  • febre baixa;
  • falta de apetite.

Diagnósticos

Para diagnóstico são necessários exames laboratoriais e, dependendo do avanço da doença, exames de imagem complementares como eletrocardiograma, ecocardiograma e raios-x de tórax.

Pronto tratamento da infecção com antibiótico reduz o risco de desenvolvimento de febre reumática.

O tratamento deve ser feito direcionado aos órgãos acometidos. O uso de penicilina benzatina é reservado para o tratamento da infecção de garganta para evitar o surto e como profilaxia para evitar recorrência de surtos após novos episódios de infecção.

Dr. Nilton Salles

Dr. Nilton Salles

Dr. Nilton Salles é Reumatologista do Hospital 9 de Julho.

Comentarios

Guia Prático da Saúde da Mulher

Baixe Grátis!
BAIXE O E-BOOK GRÁTIS